Mistério: Ossada é encontrada e cabeleireiro é preso acusado de homicídio de adolescente desaparecida em Soledade

Um cabeleireiro de 22 anos foi preso nesta quarta-feira (3) por volta de meio dia na cidade de Soledade, agreste paraibano. Alisson Bruno dos Santos Costa é o principal suspeito do desaparecimento de Ana Katarina, adolescente de 17 anos que sumiu junho do ano passado. A jovem era companheira do suspeito.

A chave para a prisão temporária foi o fato de uma ossada ter sido encontrada carbonizada na cidade de Boa Vista na mesma região. Um exame antropomédico, que avalia composição, forma e tamanho do corpo, foi realizado e as características batem com a da jovem desaparecida. Para a polícia isso sugere um homicídio. Foi o que constatou o delegado Durval Barros, responsável pelo caso.

Ontem a mãe dela realizou exame de DNA e agora a polícia aguarda o resultado para ter certeza de que a ossada encontrada é a da jovem desaparecida.

O cabelereiro preso foi encaminhado para a delegacia da cidade de Soledade. Ele nega participação no crime e disse que vai conseguir provar inocência. Ele ficará preso na cadeia pública da cidade temporariamente por 30 dias, podendo haver a prorrogação por mais 30 dias para o aprofundamento das investigações, que correm em segredo de justiça.

A mãe da jovem, a autônoma Josilene da Silva, acredita que ele tenha sido o responsável pelo crime. Ela disse que desde o início o relacionamento deles era conturbado e não tinha a aprovação dela, pelo fato dele ser maior de idade e ela não. “Quando eles namoravam, ela já desaparecia por três, quatro dias e depois aparecia do nada e não dizia onde estava”, disse.

O casal se relacionava há seis meses e na época do desaparecimento da jovem morava na casa da mãe do suspeito.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta