Mãe e filha são encontradas mortas no Pedregal em CG

Duas mulheres, mãe e filha, ainda não identificadas foram encontradas mortas na noite dessa terça-feira (7) no bairro do Pedregal em Campina Grande. Elas têm 75 e 51 anos e estavam dentro da casa onde moravam, na Rua Raimundo Asfora. Segundo a polícia as mulheres estavam deitadas, como se estivessem dormindo quando a porta foi arrombada, já que estava trancada por dentro e saia um mau cheiro de dentro da residência. Segundo os vizinhos, há três dias elas não saiam de casa.

Vizinhos também informaram à polícia que a mulher de 45 anos sofria de depressão e teria tentado suicídio há cerca de um mês. O delegado Gerônimo Barreto esteve a frente do caso na noite de ontem e disse que ainda não é possível apontar uma causa para as mortes. “As diligências realizadas até o momento, salvo melhor juízo, não foram suficientes para confirmar a integralidade da dinâmica do incidente, motivo pelo que parece-me prematuro apontar com certeza para verificação de suicídio ou homicídio (mortes à esclarecer)”, disse.

Os corpos foram levados para o IPC. O delegado explicou que exames foram requisitados e todo o procedimento necessário adotado para a elucidação do fato. “Exames Periciais foram requisitados (cadavéricos, toxicológicos e de local de morte violenta), bem como materiais coletados no imóvel (como líquido esbranquiçado encontrado junto aos corpos). Eles serão submetidos a outras análises periciais complementares”, completou.

FOTO GOOGLE MAPS

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta