Polícia prende suspeitos de assassinato de motorista de Uber em CG

Três homens foram presos nos últimos dias em Campina Grande acusados de um duplo homicídio que aconteceu em outubro do ano passado e teve como uma das vítimas um motorista da Uber. Foram presos Luan de Sousa, o Mael, Diego Ferreira Xavier, o Diego do Lixo, e Bruno Ferreira Ramos, o Gaturão. O duplo homicídio registrado no bairro do Pedregal teve como vítimas Samuel Alves da Silva e Allan Nogueira, que era motorista por aplicativo. Eles foram mortos por disparos de arma de fogo após uma perseguição.

O alvo da ação criminosa era Samuel, que estaria envolvido em crimes patrimoniais em uma área que seria de domínio de outro grupo criminoso. A investigação ainda apontou que ele foi atraído para o bairro Pedregal.

As prisões temporárias foram expedidas pelo juízo do 2º Tribunal do Júri da Comarca de Campina Grande.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta