Funcionários do Banco Itaú param por conta de ar-condicionado quebrado

Cerca de 40 funcionários do Banco Itaú cruzaram os braços nesta terça-feira (3) em Campina Grande. Eles trabalham na agência que fica na Rua Sete de Setembro, no Centro, e reclamam de falta de condições para dar continuidade ao serviço.

O problema é que dois aparelhos de ar-condicionado que existem na unidade estariam quebrados há duas semanas e isso estaria causando desconforto não apenas nos trabalhadores como também nos clientes. Afinal, há menos de duas semanas Campina Grande registrou trinta e cinco graus, a maior temperatura dos últimos 56 anos.

Apenas serviços essenciais para aposentados e pessoas com algum tipo de necessidade foram mantidos. Ainda não há perspectiva de quando o trabalho deve ser integralmente retomado. O banco ainda não se manifestou a respeito do problema.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta