Mais de 40 notificações são feitas em estabelecimentos que abriram em CG

A força tarefa do Procon Municipal em parceria com equipes da Secretaria de Saúde, Gerência de Vigilância Sanitária e da STTP, além da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros da Paraíba realizou mais de 40 notificações nesta terça-feira (24). O objetivo do trabalho, que aconteceu na zona leste da cidade e também no bairro da Liberdade, foi fazer cumprir o decreto municipal nº 4.466, que determina o fechamento dos estabelecimentos comerciais da cidade no período de 23 de março a 13 de abril. A ação da força tarefa vai durar até que todos os comerciantes da cidade se conscientizem e fechem seus estabelecimentos.

De acordo com o coordenador do Procon Municipal de Campina Grande, Rivaldo Rodrigues, foram entre 40 e 45 notificações. “Dividimos os profissionais em duas equipes que realizaram os trabalhos na zona leste e no bairro da Liberdade. Foram notificados dos mais diversos estabelecimentos, desde bares até pequenas lojinhas”, disse.

Segundo decisão do prefeito Romero Rodrigues, neste período de decreto, os shoppings, comércio, bares, restaurantes, lanchonetes e galerias de Campina Grande deverão ficar fechados. A exceção fica para os serviços essenciais: supermercados e congêneres, postos de gasolina, farmácias e, devido às chuvas intensas que têm ocorrido de ontem pra cá, o gestor municipal liberou o funcionamento de lojas de material de construção e oficinas mecânicas.

Mesmo sendo liberadas para funcionar, as oficinas mecânicas e as lojas de material de construção devem ficar abertas no horário de 9h às 14h.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta