Reunião entre secretários de saúde vai discutir prorrogação de decreto e nova data para reabertura do comércio

Uma reunião entre o secretário de saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, e os secretários de saúde de João Pessoa e Campina Grande, Adalberto Fulgêncio e Felipe Reul, respectivamente, vai discutir medidas de enfrentamento ao coronavírus na Paraíba, que já tem mais de 800 casos confirmados, e possivelmente chegar a uma nova para reabertura do comércio e retomada gradativa das atividades econômicas no Estado. O encontro vai acontecer nessa quinta-feira (30) por videoconferência e também deve contar com a participação do procurador geral do Estado, Fábio Andrade. O decreto de fechamento do comércio segue até o próximo domingo, dia três de maio.

Essa reunião ficou agendada ontem a noite após reunião por videoconferência entre o governador João Azevedo e os prefeitos Luciano Cartaxo (João Pessoa), Romero Rodrigues (Campina Grande) e George Coelho (prefeito de Sobrado e presidente da Famup). Durante o encontro virtual, Romero Rodrigues fez uma exposição sobre a situação em Campina Grande no que diz respeito a preparação para encarar o problema e os resultados obtidos pelo município na luta contra a Covid-19. Ele também apresentou proposta para que se debata uma forma de promover uma flexibilização das atividades econômicas a partir de um novo parâmetro: ampliar o espectro das áreas que podem ser consideradas essenciais, que podem ser perfeitamente monitoradas e disciplinadas, sem que venha a ocorrer uma ameaça fatal à cultura atual de isolamento social.

Uma outra proposta de Romero, prontamente acatada pelo grupo, é que sejam realizadas periodicamente novas reuniões para que esse gabinete de crise avance em medidas e ações conjuntas e harmônicas, no sentido de qualificar o enfrentamento ao avanço do novo coronavírus, visando um melhor resultado na ponta, em termos estatísticos, sem que haja uma total asfixia nas atividades econômicas. Um dos reflexos da proposta do chefe do executivo campinense é a reunião marcada para hoje.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta