HU de Campina Grande vai oferecer leitos para socorrer pacientes de Manaus

O Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC) de Campina Grande vai oferecer 10 dos seus 16 leitos reservados para o tratamento da Covid-19 para pacientes de Manaus, que por conta da superlotação nos hospitais da capital amazonense precisarão ser transferidos para outros estados do país. A informação foi confirmada ao Blog na manhã deste sexta-feira (15) pelo superintendente do HU de Campina Grande, Homero Rodrigues.

“Existe sim a convocação dos hospitais universitários para colaborar. Tínhamos leitos preparados em retaguarda ao Pedro I, caso alcançasse 60% de ocupação. Como isso ainda não ocorreu, estamos predispostos a informar a disponibilidade de 10 leitos de enfermaria para atender aos pacientes de Manaus”, disse.

Segundo o superintendente, essa informação de disponibilidade é feita via EBSERH (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares) ao Ministério da Saúde. “A negociação está sendo entre o Presidente da EBSERH, General Osvaldo Ferreira e o Ministro Pazzuelo. No caso dos HUs nos reportaremos ao Presidente da EBSERH”, completou.

Por causa da superlotação dos hospitais em Manaus, um plano de cooperação entre o governo do Amazonas e o governo federal vai transferir 235 pacientes com a covid-19 para unidades de saúde de outros estados.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta