Campina Grande terá ponto fixo para vacinação da influenza a partir desta terça-feira

A Secretaria de Saúde de Campina Grande vai implantar um ponto fixo de vacinação contra Influenza, a partir desta terça-feira (18). O serviço vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, no Centro de Tecnologia da Educação, na Avenida Santa Clara, S/N, às margens do Parque Evaldo Cruz (Açude Novo).

No local podem se vacinar os professores, idosos a partir de 60 anos de idade, profissionais de saúde e gestantes e puérperas (mulheres que deram à luz há até 45 dias). Para os trabalhadores de saúde e os professores, é necessário apresentar documentação que comprove a atuação profissional.

A vacinação também permanece sendo realizada na Atenção Básica, ou seja, nas Unidades Básicas de Saúde, nos Centros de Saúde e nas Policlínicas. Contudo, a aplicação da vacina contra Influenza, nesses locais, passa a ser realizada prioritariamente à tarde, já que pela manhã as ações preconizadas nas unidades são as da imunização da Covid.

“Foi por este motivo que criamos esse ponto fixo pela manhã, para garantir um espaço que concentre exclusivamente a vacinação contra Influenza”, explicou a gerente de Atenção Básica, Samira Luna. As crianças de seis meses a menores de seis anos continuam sendo vacinadas exclusivamente nas Unidades Básicas de Saúde.

Esta etapa da Campanha de Imunização da Influenza vai até o dia oito de junho. A terceira e última fase, que vai de nove de junho a nove de julho, vai atender pessoas com comorbidades, pessoas com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo, agentes de forças de segurança e salvamento, agentes penitenciários, detentos e jovens em medida socioeducativa.

As pessoas que estão recebendo as doses da vacinação contra a Covid devem observar o prazo para não coincidir o período das duas vacinas, pois é preciso que se obedeça um intervalo de 14 dias entre os dois imunizantes. O contrário também deve acontecer: quem receber a vacina contra a influenza deve aguardar o mesmo período para ser imunizado contra o coronavírus.

A campanha contra a influenza acontece em todo o Brasil e tem como objetivo prevenir o surgimento de complicações decorrentes da doença, fazendo com que os sintomas sejam mais leves. O imunizante protege da influenza B e dos dois tipos da Influenza A: H1N1 e H3N2.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta