TERROR DA ZONA RURAL: Acusado de quatro homicídios é preso em Campina Grande

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Homicídios de Campina Grande, prendeu nesta quinta-feira (5), um homem de 37 anos de idade investigado por quatro assassinatos cometidos na cidade. Ele foi preso no conjunto Aluízio Campos.

Entre os crimes atribuídos a ele, está o duplo homicídio contra um casal no bairro do Ligeiro, em Queimadas, em setembro de 2018. As vítimas Daniele Garcia da Silva e Alex Sandro Mendes dos Santos foram mortas dentro de um bar por um grupo de homens que chegaram armados.

De acordo com as investigações, a morte de Leandro Pereira Vieira, em dezembro de 2017, no sítio Félix Amaro, próximo ao Mutirão, também aponta o homem preso hoje como autor. Ele é investigado também pelo homicídio de Adriano José da Silva Santos, no sítio Lucas, em setembro de 2016.

A delegada Suelane Guimarães informou que esse suspeito passou um período foragido, mas há cerca de dois meses, os policiais da delegacia receberam a informação de que ele estaria de volta à cidade.

“Essa informação passou a ser trabalhada de forma criteriosa, e no dia de hoje, nós conseguimos confirmar o paradeiro dessa pessoa, realizando a sua prisão. São nada menos do que quatro mandados de prisão expedidos pela justiça, cumpridos em desfavor desse homem”, disse a delegada.

O homem está recolhido na central de Polícia Civil e será apresentado à justiça.

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta