Suspeito de assalto em escola morre em confronto com a polícia no Sertão

Um homem foi morto com um tiro durante um confronto com a Polícia Militar, na manhã desta sexta-feira (27), em Sousa, no Sertão da Paraíba. Ele é suspeito de ter feito duas professoras reféns, após invadir uma escola de reforço.

De acordo com a PM, uma dupla armada estaria dentro escola, quando as equipes policiais chegaram ao local. Os homens fugiram pulando os muros das residências vizinhas ao estabelecimento.

Crianças estavam no local durante a ação, mas não tiveram contato direto com os homens. A polícia não soube dizer as idades das vítimas, mas estimam que tivessem entre três e 12 anos.

Durante a fuga, houve troca de tiros entre policiais e suspeitos. Um dos homens, atingido por um disparo, caiu em cima do telhado de uma casa. Ele foi socorrido para o Hospital Regional da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Ainda durante a fuga, o outro suspeito invadiu uma residência e fez mais um homem refém. Após 10 minutos de negociação, ele se entregou.

Nenhum dos reféns ficou ferido durante a ação. Já um sargento da PM foi atingido por um tiro na mão, mas recebeu atendimento e médico e deixou o hospital.

Dois revolveres foram apreendidos com a dupla. O homem que se entregou foi levado para a Delegacia de Polícia Civil.

Com G1 PB

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta