CONCURSO: Edital com 1400 vagas da Polícia Civil da PB é publicado

A edição do Diário Oficial da Paraíba (DOE-PB) desta quarta-feira (29) traz como destaque a publicação do edital com 1.400 vagas do concurso da Polícia Civil do Estado. Há oportunidades para cargos de delegado, escrivão, agente de investigação, perito criminal, técnico em perícia, dentre outras.

São 1.261 vagas para ampla concorrência e 138 para pessoas com deficiências (PCD). O cargo com mais oportunidades é o de escrivão, com 515 oportunidades. Os salários variam entre R$ 3.726,73 e R$ 12.769,80.

As taxas:

a) Delegado de Polícia Civil, Perito Oficial Criminal, Perito Oficial Médico-Legal, Perito Oficial Odonto-Legal e Perito Oficial Químico-Legal: R$ 250,00;

b) Escrivão de Polícia Civil, Agente de Polícia Civil, Técnico em Perícia, Papiloscopista e Necrotomista: R$ 180,00.

Salários:
Delegado: R$ 12.769,80;

perito: R$ 9.920,99;

agente de investigação: R$ 4.271.73;

escrivão: R$ 4.271.73;

técnico em perícia: R$ 3.726,73;

papiloscopista: R$ 3.726,73;

necrotomista: R$ 3.726,73.

As inscrições serão abertas às 10h (de Brasília) no dia 8 de outubro e se estendem até às 18h (de Brasília) do dia 11 de novembro.

De acordo com a banca organizadora, Cebraspe, a instituição não se responsabilizará por solicitação de inscrição não recebida “por motivos de ordem técnica dos computadores, de falhas de comunicação, de congestionamento das linhas de comunicação, por erro ou atraso dos bancos ou entidades conveniadas no que se refere ao processamento do pagamento da taxa de inscrição, bem como por outros fatores que impossibilitem a transferência de dados”.

Após confirmar a inscrição, o candidato deverá imprimir o boleto bancário disponibilizado na página de acompanhamento do concurso, no endereço eletrônico: http://www.cebraspe.org.br/concursos/pc_pb_21. O período de solicitação de isenção de taxa de inscrição irá do dia 8 a 17 de outubro. As incrições devem ser pagas até o dia 12 de novembro.

Etapas do concurso:
A primeira etapa será dividida em cinco fases:

– Provas objetivas e prova discursiva;

– Prova de capacidade física;

– Avaliação psicológica;

– Avaliação de títulos;

– Investigação social.

Na segunda etapa haverá a realização do curso de formação policial – de caráter eliminatório. Aos que se declararem pessoas com deficiência, haverá avaliação biopsicossocial dos candidatos.

Com Portal T5

Paulo Pessoa Autor

Deixe uma resposta